- By Dulce Garcia

Quando Perdes Tudo Não Tens Pressa de Ir a Lado Nenhum

  • Title: Quando Perdes Tudo Não Tens Pressa de Ir a Lado Nenhum
  • Author: Dulce Garcia
  • ISBN: 9789897022524
  • Page: 384
  • Format: Paperback
  • Quando Perdes Tudo N o Tens Pressa de Ir a Lado Nenhum Um romance turbulento baseado numa hist ria real Um homem duas mulheres uma crian a A hist ria de um tri ngulo amoroso luz do que s o hoje as rela es sentimentais marcadas por separa es e recome o

    Um romance turbulento, baseado numa hist ria real.Um homem, duas mulheres, uma crian a A hist ria de um tri ngulo amoroso luz do que s o hoje as rela es sentimentais, marcadas por separa es e recome os e jogos psicol gicos variados Um romance onde se fala de paix o, desejo, raiva e um medo incr vel da loucura Tamb m tem amea as, mentiras e sexo E humor, esse lado cUm romance turbulento, baseado numa hist ria real.Um homem, duas mulheres, uma crian a A hist ria de um tri ngulo amoroso luz do que s o hoje as rela es sentimentais, marcadas por separa es e recome os e jogos psicol gicos variados Um romance onde se fala de paix o, desejo, raiva e um medo incr vel da loucura Tamb m tem amea as, mentiras e sexo E humor, esse lado c mico que existe em todos os epis dios, at nos mais tr gicos O que nos leva a apaixonarmo nos e deixar tudo para tr s Como poss vel mentirmos para obrigarmos algu m a ficar ao nosso lado normal um pai n o gostar de um filho E o amor, sempre o amor, hoje uma doen a ou a nica terapia Isabel sempre disfar ou os seus sentimentos debaixo de uma capa de serenidade, sobretudo desde que o irm o enlouqueceu depois de assistir a uma aut psia Mas apaixona se.

    1 thought on “Quando Perdes Tudo Não Tens Pressa de Ir a Lado Nenhum

    1. Um romance cinzento como a capa sugere. Quando conhecemos a Isabel, a personagem principal feminina, encontramo-la a viver no aeroporto de Lisboa. Está lá há meses à espera de uma pessoa e é notícia em vários jornais. Essa pessoa é o Afonso, homem casado, com quem teve um tórrido caso. Desconhecemos as circunstâncias que a levaram a tomar decisão tão radical, as revelações estão guardadas para o final, claro. Entretanto ficamos a conhecer a história dos dois, das famílias e daqu [...]

    2. Quando comecei a ler este livro, admito que estava um pouco receosa (eu sou sempre assim um bocado desconfiada quando se trata de autores que não conheço). No entanto, fiquei agradavelmente surpreendida. Dulce Garcia adopta, desde o início, uma escrita que nos agarra e que nos faz querer saber mais e mais. Simples e directa, sem grandes ornamentos e totalmente adaptada aos nossos dias. Se por um lado achei graça ao facto de a história centrar-se numa personagem que assentou arraiais num ter [...]

    3. Este livro seduz. Pela capa, mas sobretudo pela autenticidade do título. «Quando perdes tudo não tens pressa de ir a lado nenhum». Verdade é que sentimos logo à partida.Novamente parti para esta leitura sem conhecer a história. Fui totalmente surpreendida. Pela escrita da autora, pela maneira como me envolveu na história e pela forma como a contou. Gostei da estrutura desta narrativa, alterando entre as várias personagens. Esta é a história de um triângulo amoroso. A Isabel, o Afonso [...]

    4. 8 de 10*Quando assisti ao book trailer deste livro fiquei muito curiosa com a história e com este título tão peculiar!A verdade é que não desiludiu. Partindo de uma premissa que me espicaçou logo a curiosidade – temos uma mulher adulta que vive no aeroporto à espera de algo (ou não) há cerca de um ano – a autora vai contar-nos a história desta personagem, Isabel.Comentário completo em:abibliotecadajoao/

    5. Há muito tempo que não lia uma obra de estreia, de uma escritora portuguesa, tão boa. O romance é baseado numa história real, mas o que me surpreendeu foi o formato "thriller" que a autora acabou por adoptar. Temos uma primeira narrativa mais longa da protagonista, passando depois a outras mais curtas, rápidas, cheias de pormenores, saltos temporais e mentais, não só da protagonista como também da personagem masculina central ao triângulo amoroso que nos é posteriormente dado a conhec [...]

    6. Que bom gostava de encontrar mais livros como este Diverti-me muito ao ler este livro, conversei muito sobre ele com o meu namorado, pensei muito sobre ele e acompanhou-me durante três dias inteiros. Havia sempre algum tema interessante para ser discutido —quem o leu deve saber do que falo. As curiosidades fazem todas parte da personagem feminina. A sua curiosidade é tão contagiante que nos põe de olhos abertos e ávidos para saber mais.O que me chamou à atenção logo de imediato foi a c [...]

    7. Terminei a leitura e não consegui organizar as ideias. É um livro real. Um livro que nos fala de vários tipos de amor e de como eles nos marcam para a vida. E com o amor vem também a desilusão e a dor. E quando perdemos tudo não há pressa de ir a lado nenhum. Um livro, que sem dúvida nenhuma, recomendo a leitura.

    8. Não conhecia a Dulce Garcia mas o título do livro há muito me tinha suscitado curiosidade.Foi uma agradável surpresa. O livro prende-nos da primeira à ultima página num thriller psicológico. Escreve como quem pensa, num turbilhão de sentimentos e revela-nos as suas personagens de uma forma desapiedada, atirando-nos com a dura realidade à cara e não nos adoçando a boca por nem um minuto mesmo quando alterna com laivos subtis de humor.Adorei e fico à espera do próximo

    9. Este livro tem tudo o que procuro numa história: prende do início ao fim, as personagens estão perfeitamente definidas e todas têm uma voz muito própria. Identifiquei-me muito com as referências temporais e literárias, e especialmente com o sentido de humor, que é muito certeiro e aparecia nos momentos em que a leitura era mais dolorosa. Foi uma gratíssima surpresa - Beneficiaria de uma revisão mais rigorosa.

    10. Afonso casado com Sara tem um filho Guilherme, mas apaixona-se por Isabel, que era casada com Luis Miguel e o deixa para se juntar a Afonso. Este porém continuou a ir ter com Sara, agora como amante. esta manipula-o a ponto de fingir uma gravidez. Afonso combina com Isabel irem a Madrid e marca no aeroporto e não aparece. Isabel fica ali durante um ano à espera. Mas depois desiste e vai viver a sua vida. No fim reencontram-se a siada do aeroporto. Coincidência? Mas Isabel já tinha esperado [...]

    Leave a Reply

    Your email address will not be published. Required fields are marked *